• denuncias
  • peticionamento
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
    • cit
    • OIT atualiza enfrentamento ao trabalho escravo

    MPT/RN apoia ação nacional que irá cadastrar pessoas com deficiência para o mercado de trabalho

     
    Em Natal, a ação acontece no Instituto Juvino Barreto, a partir das 8 horas do dia 20 de setembro, véspera do Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência
     
     
    Natal (RN), 18/09/2014 – Pessoas com deficiência que desejam ingressar no mercado de trabalho devem ficar atentas à uma oportunidade: no dia 20 de setembro, empresas de limpeza e conservação estarão cadastrando pessoas com deficiência (PCDs) e beneficiários reabilitados, para contratação no setor de serviços. Em Natal, a ação de cidadania acontece das 8h às 13h, no Instituto Juvino Barreto, e incluirá a limpeza ambiental do local. Marcado para a véspera do Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência, que é 21 de setembro, o evento é apoiado pelo Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Norte (MPT/RN).
     
    Trata-se de uma ação simultânea em todo o país, promovida pela Federação Nacional das Empresas de Serviços e Limpeza Ambiental (FEBRAC), em parceria com os Sindicatos Estaduais Associados. De acordo com o presidente do Sindicato Patronal das Empresas Prestadoras de Serviços de Mão de Obra do RN (Sindprest), Edmilson Pereira de Assis, “a ideia é que as empresas do setor apresentem suas ofertas de trabalho para o cumprimento da cota legal reservada às pessoas com deficiência”.

     Imprimir 

    Casa de Saúde Dix-Sept Rosado sofre nova intervenção

    Natal (RN), 17/08/2014 - O juiz Magno Kleiber Maia, titular da 2ª Vara do Trabalho de Mossoró, decretou hoje (17) uma nova intervenção judicial na Associação de Assistência e Proteção à Maternidade e à Infância de Mossoró (APAMIM), entidade que administra a Casa de Saúde Dix-Sept Rosado.

    Na semana passada, o juiz já havia determinado a posse de uma junta interventora para administrar o hospital, no julgamento de uma ação cautelar do Ministério Publico do Trabalho e Estadual.

    Um dos primeiros atos dos novos gestores da APAMIM foi garantir o pagamento dos salários de junho dos trabalhadores, por meio do bloqueio do repasse de recursos pela Prefeitura de Mossoró, no valor de R$ 760 mil, depositados em conta judicial.

     Imprimir 

    • banner pcdlegal
    • banner corrupcao
    • banner mptambiental
    • banner cnmp
    • banner radio
    • banner trabalholegal